voltar Finep/MCTI investe R$ 7,5 milhões na fabricação de novos ventiladores para Covid 19

Com sede em São Paulo, a Alliage S.A Indústrias Médico Odontológica vai receber R$ 7,5 milhões, em recursos reembolsáveis da Finep, Financiadora de Inovação e Pesquisa do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), para o desenvolvimento de um novo ventilador pulmonar, equipamento essencial no tratamento de pacientes com a Covid 19.

Atualmente em falta nos hospitais, o modelo a ser fabricado pela Alliage é indicado para suporte ventilatório mecânico intermitente ou contínuo de pacientes adultos e pediátricos. A capacidade de fornecimento será de cerca de 400 unidades/mês. O produto terá bateria interna de lítio que proporciona até 11 horas de operação do ventilador e possui um indicador, em tempo real, que mostra o quanto ainda resta de carga na bateria em horas e minutos, com base nas configurações. Além disso, o novo equipamento é compacto, silencioso e leve (4,5 kg), o que facilita a sua transição do uso hospitalar para o domiciliar.

Outra vantagem é que ele permite a portabilidade de dados por meio de um dispositivo de memória USB, do ventilador domiciliar para o computador do médico. Os parâmetros do ventilador e as configurações de alarme também são interligados de forma a reduzir o risco de configurações clinicamente inadequadas.

A Alliage S.A. tem em seu portfólio uma série de produtos para consultórios odontológicos, como Raios-x Periapical, Sensores Radiográficos Intraorais, Tomógrafos Odontológicos, Raios-x Panorâmico, Scanner de Placa de Fósforo e Ultrassom por Imagem. Com a fabricação do novo ventilador, a empresa vislumbra um novo mercado que ajudará não só a manter a sua saúde financeira, como a manutenção do seu quadro de empregados.

“Nós temos muito orgulho de ser parceiro da Finep/MCTI há décadas, e de receber mais esse investimento. Entregaremos um produto de qualidade e, com isso, ajudaremos nossa país a atravessar esta delicada fase, pois esse é o nosso papel como companhia genuinamente brasileira”, afirmou o CEO da Alliage, Caetano Barros Biagi.

“Para a sociedade, e principalmente para a população infectada pelo novo coronavírus, trata-se de uma inovação de alta relevância, pois representa a chegada ao mercado de novos equipamentos de suporte ao tratamento de doentes em estado grave”, disse o diretor de Inovação da Finep/MCTI, Alberto Dantas.